Liga Portuguesa: Clubes, Jogadores, História

A I Divisão do futebol português, tal como funciona até hoje, no sistema de “poule” em duas voltas, foi criada em 1934-35. Veio a mudar de nome para “I Liga”, nos anos 90, tendo desde então alterado a designação consoante o patrocinador. É a mais importante competição de futebol sénior masculino; os jogadores eram amadores à época da sua criação, mas progressivamente o desporto foi-se tornando cada vez mais profissional. Vejamos algumas estatísticas e curiosidades sobre a I Divisão/Liga:

  • 71 clubes já participaram pelo menos uma vez na I Divisão. Desses, 11 participaram apenas uma vez. O mais recente foi o Trofense (2008-09).
  • Apenas dois jogadores europeus (não portugueses) conseguiram ser o Melhor Marcador do campeonato: o croata Slavko Kodrnja (FC Porto, 1939-40) e o sueco Mats Magnusson (Benfica, 1989-90). Contudo, Kodrnja foi o melhor, em “ex aequo” com o argentino Peyroteo (Sporting), que é o melhor marcador de sempre, com 332 golos. Eusébio é o 2.º melhor, com 320.sl_benfica_team_2012-2013
  • O último Melhor Marcador do campeonato não sul-americano foi o camaronês Meyong, que marcou 17 golos pelo Belenenses, na época de 2005-06.
  • A primeira edição do Campeonato Nacional da Primeira Divisão, na época de 1934-35, teve apenas 8 equipas. Além dos 3 grandes, participaram: Belenenses, Vitória de Setúbal, Académica e dois clubes que já não praticam futebol:

– União Lisboa, que se fundiu com o Carcavelinhos em 1942, para dar origem ao Atlético Clube de Portugal;

– Académico do Porto, que deixou de ter futebol.

  • Nas primeiras 82 edições deste campeonato, Sporting, Benfica e FC Porto venceram 80. Apenas Belenenses (1945-46) e Boavista (2000-01) conseguiram intrometer-se neste domínio. Além destes 5 clubes, apenas 3 outros terminaram um campeonato na segunda posição: Vitória de Setúbal, Académica de Coimbra e Sporting de Braga.
  • Jorge Costa (FC Porto) é o jogador com mais cartões amarelos de sempre (123). Com mais cartões vermelhos, aparece Rui Jorge (Sporting, FC Porto, Belenenses e Rio Ave), com 7.
  • Manuel Fernandes (Sporting, V. Setúbal) é o jogador com mais jogos na I Divisão (485). Já Manuel Bento é aquele com mais participações: 22 temporadas, entre 1967-68 e 1989-90.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *